• Facebook
Tomás Almeida e Francisca Jorge conquistam Taça Praia das Rosas

Tomás Almeida e Francisca Jorge conquistam Taça Praia das Rosas

A Taça Praia das Rosas, vulgo Campeonato Absoluto do Douro 2018, realizou-se em Miramar, nas instalações do Sport Clube Alberto Sousa, entre 28 de Abril e 1 de Maio. A prova de nível B distribuiu um prize-money de 2.000€ e contou com a participação de 64 tenistas de todo o país.

Em ambos os quadros individuais (masculino e feminino), apesar da forte concorrência, os jogadores e jogadores de clubes da região AT Porto acabaram, mais uma vez, por se destacar. Recorde-se que, na 10ª edição da prova, em 2017, Bárbara Balancho e Paulo Fernandes, ambos do SC Porto, sagraram-se campeões absolutos do Douro.

Na final masculina desta edição do evento, Tomás Almeida, do LTC Foz, teve pela frente Tomás Marques (AA Coimbra) que possuía o estatuto de 4º cabeça-de-série do quadro. Apesar de a tarefa parecer complicada, o jovem tenista treinado no LTC Foz esteve a um bom nível e impôs-se em apenas dois sets, pelos parciais de 6-0 e 6-4.

De entre os nortenhos presentes na competição masculina, Tomás Almeida foi o único a conseguir ultrapassar os quartos-de-final. Pelos quartos, ficaram Fábio Coelho (ET Maia), Francisco Oliveira (LTC Foz), Afonso Portugal (SCAS) e Pedro Vide (CT Porto).
 

Francisca Jorge triunfa no quadro feminino
A jogadora do CT Guimarães de apenas 17 anos, campeã regional e nacional absoluta em 2017, partia para o Campeonato Absoluto do Douro como principal favorita à vitória, merecendo o estatuto de 1ª cabeça-de-série do quadro feminino.

Depois de deixar para trás a campeã em título, Bárbara Balancho, com um duplo 6-0, e Carolina Likhatcheva (AA Coimbra) por 6-3 e 6-0. Nas meias-finais, Jorge teve pela frente outra jovem nortenha repleta de talento: Maria Inês Fonte (ET Maia), a quem viria a vencer também em dois sets, pelos parciais de 6-1 e 7-5.

Na grande final da competição, Lúcia Quitério (CT Caldas da Rainha), proveniente do qualifying, revelou-se como o maior desafio da vimaranense na prova. Depois de vencer o primeiro set por 6-3, Quitério reagiu bem, aplicando um surpreendente 6-1 no 2º set. No set decisivo, Francisca Jorge, porém, não vacilou e conseguiu o triunfo por 6-1, sagrando-se campeã absoluta do Douro de 2018.

Além de Jorge, destaque para as prestações de Joana Baptista, do Boavista TL, que ultrapassou co eficácia o qualifying e só foi travada nas meias-finais por Quitério, em três sets: 6-2, 3-6 e 6-4. Maria Inês Fonte também fez uma boa prova, cedendo apenas perante Francisca Jorge, também nas “meias”.

Parabéns a todos os tenistas que participaram nesta Taça Praia das Rosas, especialmente aqueles treinados em clubes nortenhos, assim como a todo o staff que fez parte da organização da prova.