• Facebook
Pink Tour 2018: 85 jogadoras já passaram pelo único circuito de ténis feminino nacional

Pink Tour 2018: 85 jogadoras já passaram pelo único circuito de ténis feminino nacional

Depois de cinco etapas realizadas e faltando apenas duas para terminar, o balanço da presente edição (a 5ª) do Pink Tour, o circuito feminino da AT Porto, é bastante positivo.

Nas etapas de Lousada, Ermesinde, Porto, Gaia e Viana, além do InterClubes e CR Absoluto, participaram 85 jogadores treinadas em 25 clubes nacionais diferentes.

O clube mais representado na classificação do Pink Tour, até ao momento, é o Lousada Ténis Atlântico, com 16 jogadoras. Para este número, muito contribui a jornada do circuito acolhida pelo clube lousadense, que contou com um total de 34 jogadoras. Como segundo clube mais representado neste ranking (11 jogadoras) surge o Clube Ténis Ermesinde, clube que recebeu a etapa mais “concorrida” da presente edição do único circuito feminino nacional de ténis, com 41 tenistas!

Ao nível de classificações individuais, Ana Sofia Brandão, do Sport Clube Alberto Sousa, foi recompensada pela sua regularidade e subiu ao topo do ranking Pink Tour com 1036 pontos amealhados nas cinco etapas em que participou. A jogadora do SCAS mantém uma vantagem pontual acentuada sobre a 2ª classificada, Isabel Chorão, do CT Gaia, que tem 744 pontos e já venceu duas etapas do circuito (Lousada e Porto). No último lugar do pódio, mas muito próxima da 2ª posição, está Flávia Macedo, que triunfou “em casa”, no Viana Pink Tour, e tem 738 pontos.

Quando faltam duas etapas para disputar, em Miramar e Vila do Conde, a classificação ainda pode sofrer muitas alterações e promete emoção até ao final.

A próxima etapa joga-se já no próximo mês, a 9 e 10 de Junho, no Sport Clube Alberto Sousa, em Miramar. As inscrições já se encontram a decorrer e terminam a 6 de Junho. Não faltes a esta recta final do único circuito de ténis feminino a nível nacional!

 
Pink Tour, let’s play and enjoy it!