• Facebook
III Taça AT Porto Beach Tennis: Quadros e Ordem de Jogos

III Taça AT Porto Beach Tennis: Quadros e Ordem de Jogos

Já são conhecidas as duplas que compõem os quadros masculino e feminino da III Taça AT Porto de ténis de praia que, amanhã e sexta-feira (31 de Maio e 1 de Junho), vai levar muita acção, ténis e “boa onda” à Póvoa de Varzim. De destacar que ambos os quadros contam com os melhores jogadores e jogadoras nacionais, mas também alguns dos melhores atletas internacionais da modalidade!

Confira AQUI a Ordem de Jogos da III Taça AT Porto.

No torneio de singulares femininos será realizada uma 1ª fase de Grupos, com três duplas cada. De seguida, e mediante as prestações da 1ª fase, as duas duplas melhor classificadas de cada grupo encontrar-se-ão numa fase a eliminar até serem encontradas as grandes campeãs.

O Grupo I é encabeçado pelas portuguesas Manuela Cunha, que é 57ª mundial e a portuguesa melhor classificada no ranking, e Catarina Alexandrino, 78ª no ranking ITF. Juntam-se, neste grupo, uma equipa russa composta por Ekaterina Byakina (58ª mundial) e A. Moiseeva, além de mais um par luso: Paula Margarida/Sandra Torres.

No Grupo II, Nina Djordjevic/Roos Hart, 178ª e 159ª do ranking, respectivamente, assumem-se como as principais favoritas a passar à fase final. A portuguesa Vera Pyrrait vai unir forças com a brasileira Liliana Caprioli, enquanto Filipa Cunha e Joana Magalhães também elevam as esperanças nacionais nesta competição.

 
Quadro Masculino com oito duplas nacionais e internacionais de peso

Quanto à competição masculina da III Taça AT Porto, destaque para a presença não só de bons pares lusos, como jogadores de renome a nível internacional.

Os dois jogadores portugueses melhor classificados da actualidade, João Maio (50ª ITF) e Henrique Freitas (69º ITF), são 2º cabeças-de-série e, assim, uns dos principais favoritos à vitória final. Porém, o alemão Manuel Ringlstetter (37º ITF) e Alexander Bailer (63º) são, no papel, os grandes favoritos a vencer a prova.

São vários os motivos para acompanhar de perto esta competição, não só pelo óbvio talento e qualidade do ténis praticado pelos atletas presentes, como também pelpo bom ambiente que sempre circunda os eventos desta modalidade. Todos à Póvoa!