• Facebook
Francisca Jorge conquista Lousada Indoor Open I

Francisca Jorge conquista Lousada Indoor Open I


O Lousada Indoor Open I, que distribuiu 15.000$ em prémios monetários, decorreu entre 20 e 28 de Outubro de 2018 e dificilmente será esquecida. Além de ser a 1ª edição do evento e única prova indoor feminina realizada em Portugal, o LIO I também contou com belos momentos de ténis, sendo que as tenistas lusas estiveram em grande destaque.

Logo no quadro de qualificação, disputado de 20 a 22 de Outubro, 4 lusas tentaram a sua sorte. Apesar da experiência não ter corrido da melhor forma às jovens Patrícia Brandão (GC Santo Tirso), Bárbara Balancho (LTC Foz) e Joana Vale Costa, Inês Teixeira foi repescada para o quadro principal após ceder na última ronda do qualy.

Com Inês Teixeira, o contingente luso na fase principal da contenda fixou-se nas dez atletas que haviam entrado directamente ou através de convite por parte da organização do torneio. De entre estas, três conseguiram o apuramento para a 2ª ronda.

Maria Inês Fonte (ET Maia) bateu, de forma excelente, a 7ª cabeça-de-série do quadro, a eslovaca Kristina Novak, pelos parciais de 6-3, 3-6 e 7-5. No entanto, viria a ceder na ronda seguinte, perante uma das surpresas da prova, a italiana Valentina Losciale (6-3, 6-3).
Mariana Campino, outra jovem lusa de apenas 15 anos, arrecadou em Lousada o seu 1º ponto no circuito ITF Women, conseguido com a vitória sobre Joana Baptista (Boavista TL) por 4-6, 6-1 e 6-4.

Já Francisca Jorge, campeã nacional absoluta e 684ª no ranking WTA, fez jus ao estatuto de 1ª cabeça-de-série de singulares e conquistou neste Lousada Indoor Open I o primeiro título do circuito internacional feminino da sua jovem carreira. Aos 18 anos, a tenista vimaranense mostrou muita segurança e uma maturidade invulgar para a sua idade, superando os desafios mais difíceis com destreza e confiança no seu jogo. Após ultrapassar Madalena Amil (Boavista TL), a suíça Tsygourova e a italiana Valentina Losciale, Jorge enfrentou, nas meias-finais, um “osso duro de roer”: Katharina Hering (GER), que cedeu em três sets (7-6(2), 3-6 e 6-3).

Na grande final do torneio, a vítima de Francisca foi a francesa Aubane Droguet, num encontro deveras disputado. Com este torneio, e ainda sem a inclusão dos pontos arrecadas pela vitória na final, Francisca Jorge subiu da 684ª para a 667ª posição mundial, ficando agora mais próxima da nº 2 nacional, Inês Murta (660ª) e de Maria João Koehler, 629ª no ranking WTA.
 

Jorge finalista de pares
Além do título conquistado no quadro de singulares, Francisca Jorge e a sua parceira, Maileen Nuudi, conseguiram alcançar a final da variante de pares. A vitória final acabou por sorrir à dupla mais experiente composta por Hering/Azcoitia.
 

Lousada Indoor Open II
A acção continua esta semana em Lousada com o segundo torneio internacional a acontecer até ao próximo domingo. Hoje, segunda-feira, dão-se os confrontos decisivos do quadro de qualificação. O ténis português surge representado nesta fase do quadro pelas nortenhas Bárbara Balancho e Maria Santos, que têm boas hipóteses de se apurar e, assim, juntar-se a muitas outras portuguesas no quadro principal da competição.

A entrada na prova é livre, mas os encontros também podem ser acompanhados em directo através da página oficial do evento no Facebook.